GRECO prende cinco assaltantes de banco durante operação em Teresina (PI)

As prisões dos quatro homens e uma mulher, ocorreram dentro do Banco do Brasil da Nova Ceasa, na zona sul de Teresina

No início da manhã de domingo (10), o Grupo de Repressão ao Crime Organizado [GRECO], da Polícia Civil do Estado do Piauí, com apoio da Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí, efetuou a prisão de cinco pessoas por organização criminosa, furto qualificado e corrupção ativa.

As prisões dos quatro homens e uma mulher, ocorreram dentro do Banco do Brasil da Nova Ceasa, na zona sul de Teresina.

Foto: Divulgação Ascom/SSP-PISegundo a Polícia Civil, a quadrilha conseguia extrair os envelopes depositados com dinheiro dos caixas eletrônicos
Segundo a Polícia Civil, a quadrilha conseguia extrair os envelopes depositados com dinheiro dos caixas eletrônicos

Foram presos: Gabriel Amaral dos Santos Silva,vulgo "Neymar", Rogério Mesquita Batista e Hellen Fabiola Pereira dos Santos, todos esses, são naturais do Estado de São Paulo.

E também foram presos: Francisco Charles de Castro Pereira e Samuel Silva Parga Filho, ambos naturais do Maranhão.

Foto: Divulgação Ascom/SSP PIAssaltantes de banco
O grupo de criminosos era liderado por Ricardo que contou com o apoio de Charles que forneceu carros e hospedagem e por ser morador de Teresina

As prisões ocorreram, após trabalho de investigação que durou cerca de 40 dias, presidido pelo Delegado Daniell Pires, a partir de informações  do setor de seguranca do Banco do Brasil que indicava pessoas furtando envelopes dos caixas eletrônicos em agências bancárias em Teresina (PI).

A ação se dava pelo uso de equipamento que era introduzido no caixa eletrônico e que "pescava" os envelopes.

Foto: Divulgação Ascom/SSP PIImagens
Imagens do circuito de segurança, no momento do furto, no Banco do Brasil da Ceasa em Teresina (PI)

O grupo de criminosos era liderado por Ricardo que contou com o apoio de Charles que forneceu carros e hospedagem e por ser morador de Teresina, indicava as agências a serem atacadas.

O equipamento usado na pesca era manuseado por Gabriel, vulgo "Neymar", que já tem experiência nessa atividade e já foi preso pela mesma prática.



Durante o desenrolar das diligências Samuel e Charles ofereceram aos policiais o dinheiro que estava em poder deles a fim de serem soltos e por conta disso foram autuados também por corrupção ativa.

Foram aprendidos todos os apetrecho usados na pescaria dos envelopes, bem como veículos usados no crime, dinheiro furtado e envelopes que haviam sido furtados também.

Foto: Divulgação Ascom/SSP PIFerramentas e objetos apreendidos com os acusados de assalto a bancos em Teresina (PI)
Ferramentas e objetos apreendidos com os acusados de assalto a bancos em Teresina (PI)

Os presos foram submetidos à audiência de custódia e encaminhados ao sistema prisional.

Fonte: JTNews com informações da Ascom/SSP PI

Comentários