Presidente da Agespisa denuncia ao TCE suposta união para tomar o patrimônio do Estado

O gestor teme que as prefeituras estejam beneficiando uma empresa particular

Um ofício foi encaminhado pelo presidente da Águas e Esgotos do Piauí S/A (Agespisa), Genival Sales, ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI). No documento, solicita investigação para apurar possível conluio entre municípios e empresa privada para expropriar o patrimônio do Estado.  

Foto: Divulgação/ TCETribunal de Contas do Piauí deve analisar denúncia do presidente da Agespisa
Tribunal de Contas do Piauí deve analisar denúncia do presidente da Agespisa

A desconfiança foi gerada por uma repetição em alguns processos de privatização pelos municípios, ao ponto de editais de licitação serem idênticos, assim, a mesma empresa continuaria vencendo o certame. 

O gestor não nominou a empresa que pode estar por trás das privatizações, mas acredita que os técnicos do TCE-Piauí não terão dificuldade para fazer a identificação no caso de haver algo errado nesses processos de privatização, sobretudo nos municípios menores. 

Fonte: Com informações da Ascom da Agespisa

Comentários